Autoridades municipais destacam importância do Museu Digital de Campina Grande

Campina Grande ganha, na noite desta terça-feira, 7, o seu Museu Digital, a ser entregue pelo prefeito Romero Rodrigues, sendo fruto de uma parceria inédita entre a prefeitura e o Serviço Social da Indústria (Sesi). O museu encontra-se instalado no Monumento do Sesquicentenário, construído pela atual gestão às margens do Açude Velho.

De acordo com as autoridades municipais, trata-se de uma obra ousada que muito orgulha a cidade e o seu povo. É o que pensa o secretário municipal de Planejamento, André Agra. Ao conceder entrevista na tarde desta terça-feira, 7, ao programa “Alô, Prefeito!”, da Rádio Caturité, ele destacou que “este será o único museu da Paraíba onde se formarão filas na porta de entrada”, pois tem o diferencial de atrair pessoas de todas as faixas etárias, especialmente jovens, graças ao emprego da tecnologia.

“Esta obra representou uma grande luta do prefeito Romero Rodrigues e, finalmente, a cidade passou a contar com um moderno equipamento para registrar a sua rica história. Será, portanto, um grande e inovador espaço por ser mais um marco da cidade em campos como arquitetura, turismo, história, cultura e educação”, acrescentou, elogiando, ainda, a política de parcerias público-privadas desenvolvida pela atual gestão, o que tem viabilizado grandes obras na cidade.

Por sua vez, o presidente da Empresa Municipal de Urbanização da Borborema (Urbema), Carlos Dunga Junior, também ao participar do programa “Alô, Prefeito!”, disse que o Museu Digital “consagra a gestão compartilhada implantada desde 2013 pelo prefeito Romero Rodrigues”, levando-se em conta o caráter inovador do novo equipamento.

Para Dunga Junior, poucas cidades do Brasil contam com um museu tão moderno e dinâmico como o de Campina Grande, elevando ainda mais o nome da Rainha da Borborema no cenário nacional. “Com certeza, este será um dos maiores atrativos e cartões postais da nossa comunidade, atraindo os visitantes e também todos os campinenses que almejam conhecer a história campinense”, afirmou, além de frisar a importante parceria mantida pela PMCG com instituições como Fiep e Sesi.

Fonte Codecom

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.

TOPO