Câmara aprova projeto da Prefeitura e professores terão 13,1% de reajuste salarial

cmcgAumento já vem implantado na folha de fevereiro

A Câmara de Vereadores aprovou, nesta quarta-feira, 25, por unanimidade, o projeto enviado pela Prefeitura de Campina Grande reajustando em 13,1% o piso salarial dos professores.  Com a atualização dos vencimentos do magistério, o salário da categoria chega a R$ 1.917,78, se equiparando ao piso nacional.

O índice do reajuste representa ainda o dobro da meta inflacionária,  já sendo repassado aos professores na folha de fevereiro e com um detalhe: além do novo valor, os profissionais da rede municipal de ensino receberão, também, a diferença referente a janeiro.

A vereadora Ivonete Ludgério (PSB), líder da bancada situacionista na Casa de Félix Araújo, comemorou a aprovação do projeto e destacou o esforço do prefeito direcionado à Educação.

“É bom frisar que o professor não vai ter prejuízo em relação a janeiro, já que a diferença será incorporada ao pagamento de fevereiro. O prefeito Romero Rodrigues tem procurado dar o melhor de si em relação à Educação. A gente sabe que nem todos os prefeitos estão conseguindo pagar o piso. E a Prefeitura de Campina Grande tem tentado de todas as formas fazer com as secretarias recebam o que faz jus aos servidores”, comentou a parlamentar.

Além do reajuste no piso salarial do magistério, o prefeito Romero Rodrigues comemora também, em fevereiro, o pagamento do décimo quarto salário para os profissionais de escolas que apresentaram o melhor desempenho educacional no IDEB ou Prova Brasil.

O chefe do Executivo campinense tem feito questão de sempre registrar o esforço da atual gestão em reformar escolas e apoiar  iniciativas capazes de fazer avançar a educação pública municipal.

Fonte: Codecom

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.

TOPO