Chuvas animam agricultores e Prefeitura inicia programa de corte de terras

trator_seagri_PMCGAs recentes chuvas registradas em Campina Grande dão novo ânimo aos agricultores do município. O bom momento é marcado pelo transbordamento de cisternas construídas pelo governo municipal. Além disso, vários barreiros que foram limpos receberam bom volume de água, com alguns já cheios. Também receberam água 16 barragens subterrâneas implantadas pela prefeitura municipal.

Por conta disso, a Secretaria Municipal de Agricultura está desenvolvendo, desde a última quarta-feira (20), o seu programa de corte de terras, embora o período mais adequado para o plantio em nossa região seja a partir do mês de março, quando se intensifica o período chuvoso. Antes de março, contudo, muitos agricultores investem no plantio de palma forrageira.

Segundo o secretário de Agricultura, Fábio Medeiros, para o desenvolvimento do programa de corte de terras são utilizados quatro tratores de pneu, beneficiando 1.200 pequenos agricultores familiares. Além disso, em fevereiro a Seagri vai receber um trator de esteira D6, destinado a acelerar o trabalho de limpeza de barreiros, comemora o secretário.

Demonstrando otimismo quanto à regularização das chuvas na região, o secretário Fábio Medeiros garantiu estar torcendo para que as previsões feitas recentemente pela Aesa estejam corretas. De acordo com tais previsões, as chuvas na região, em 2016, estarão dentro da média histórica, o que vai ser decisivo para amenizar a atual crise hídrica no Compartimento da Borborema.

“Podemos dizer que, no momento, o governo municipal, seguindo orientação do prefeito Romero Rodrigues, está aproveitando as recentes chuvas para cumprir o seu papel de prestar total assistência aos homens e mulheres do campo”, afirmou, acrescentando, por outro lado, que as pastagens na região já estão abundantes.

Garantia Safra

Por último, informou que já começou desde a última segunda-feira (18) o pagamento do Programa Garantia Safra referente ao ano passado. Este pagamento, que obedece ao calendário estabelecido pela Caixa Econômica Federal (tendo como referência o último dígito do NIS), vai injetar mais de R$ 2 milhões na economia da cidade.

Com o Garantia Safra, uma espécie de seguro, o agricultor poderá receber um suporte financeiro de aproximadamente R$ 850,00 quando for constatada uma perda superior a 50% da safra. Esse valor será recebido em cinco parcelas.

Para o secretário municipal de Agricultura, Fábio Agra Medeiros, o benefício é importante nesse momento em que a Paraíba ainda enfrenta um período de estiagem, o que normalmente prejudica a agricultura.

A Secretaria Municipal de Agricultura (Seagri) também já entregou aos agricultores de Campina Grande 1.187 boletos referentes ao Garantia Safra 2015/2016. A distribuição foi iniciada no dia 5 de janeiro e vai se prolongar até o dia 1º. de fevereiro, beneficiando 1.536 agricultores da zona rural do município.

Para receber o boleto, deve-se apresentar o CPF e o documento de identidade. Logo após receber o boleto, o agricultor terá prazo até 1º. de fevereiro para efetuar o pagamento da taxa de R$ 17,00. Essa é uma taxa de adesão ao programa, referente à contrapartida do próprio agricultor. O pagamento poderá ser feito nas agências da Caixa Econômica Federal ou casas lotéricas. Faltam apenas 70 agricultores efetivaram este pagamento, os quais deverão comparecer à Secretaria Municipal de Agricultura.

Fonte: Codecom

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.

TOPO