Chuvas derrubam 12 árvores em Campina e Prefeitura entra em alerta máximo

A Prefeitura Municipal de Campina Grande, por determinação do prefeito Romero Rodrigues, determinou alerta máximo em decorrência da queda nesta terça-feira, 25.04,  de pelo menos 12 árvores, em vários pontos da cidade, incidentes provocados pela intensidade das últimas chuvas acompanhada  de fortes ventania, principalmente na parte da manhã.

O caso mais grave ocorreu em frente ao Hospital Antonio Targino, onde dois carros estacionados foram atingidos e parte da rede elétrica danificada, mas ninguém se feriu.

A Secretaria de Serviços Urbanos de Campina Grande-Sesuma,  Defesa Civil e Corpo de Bombeiros, receberam pelo menos 12 reclamações, constatando outros casos na Estação Velha, estacionamento por trás do supermercado Walmart; Canal de Bodocongó, em frente a um Posto de Gasolina, e também no bairro do Catolé.

Com auxílio da STTP , às ruas foram  isoladas para retirada destas árvores, e não foi constatada nenhuma vítima, apenas alguns transtornos e danos materiais.

A coordenadora do Meio Ambiente, Denise Sena, informou que toda cidade está sendo monitorada e caso se constate algum risco, o menor que seja, o cidadão deve ligar para a Sesuma, 3310-6115, 3341-0600, Corpo de Bombeiros ou Defesa Civil.

O secretário Geraldo Nobre Cavalcante, já havia alertado este risco, diante da imensa quantidade de espécies antigas, plantadas de forma errada, que correm o risco de cair ou de surgir raízes na malha viária.

“ Não se pode plantar uma muda com menos de 50 centímetros de fundura, e também  a escolha da planta é fundamental. A maioria dos acidentes é provocada por algarobas, espécie genuinamente rural que de forma equivocada foi trazida para a zona urbana. Temos substituídos e transplantados algumas, mas infelizmente ainda temos milhares”, afirmou.

Fonte: Codecom

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.

TOPO