Cidadania no trânsito e comandos educativos marcam atividades do Maio Amarelo da STTP a partir desta terça

O Maio Amarelo é um movimento internacional de conscientização para a redução de acidentes e tem como objetivo fazer do trânsito um lugar mais seguro e respeitoso. Até o final do mês, equipes da Prefeitura de Campina Grande, através da STTP e demais parceiros da campanha, estarão desenvolvendo diversas ações educativas em várias partes da cidade, nas ruas e avenidas, escolas e órgãos públicos.

De acordo com o superintendente da STTP, Félix Neto, a extensa programação da campanha foi divulgada na manha desta terça-feira, 01, e consta de inúmeras ações que serão desenvolvidas em conjunto com os vários parceiros que aderiram ao movimento. “estamos com uma responsabilidade imensa de fazer este ano uma campanha que supere a do ano passado, quando, inclusive fomos premiados como a cidade que nacionalmente fez as melhores ações durante o Maio Amarelo. Para 2018, mais uma vez preparamos uma programação que vai chamar a atenção dos campinenses, convocando a todos para essa conscientização necessária para a redução de acidentes de trânsito”, disse Félix.Dentre as atividades programadas consta uma exposição de veículos acidentados nas principais rotatórias da cidade; Quiosques itinerantes, no Partage e no Luiza Mota, com emissão de Credenciais de estacionamento para idosos e PCD; ações no dia mundial do trânsito e semana mundial do pedestre; Dia municipal da Paz no Trânsito; comandos educativos (blitz); Torneio Xadrez Amarelo; Passeio Motociclistico; Palestras nas empresas, escolas e órgãos públicos; Passeio ciclístico, Caminhada da Gentileza, cinema rodoviário, e outras ações que serão desenvolvidas também com o apoio das equipes da STTP, CPTran, DER, PRF, Sest/Senat, e demais parceiros que estarão desenvolvendo as ações educativas.O tema do Movimento Maio Amarelo deste ano é “Nós somos o trânsito”, e tem por objetivo motivar toda a sociedade a adotar atitudes melhores para um trânsito mais seguro. O Movimento chega à sua 5ª edição e fomenta na sociedade a necessidade urgente da redução do número de mortes e feridos graves no trânsito. O tema sugerido pelo OBSERVATÓRIO foi discutido com a Associação Nacional de Detrans (AND) e aprovado pelo Conselho Nacional de Trânsito (Contran) através da resolução nº 722/2018.

A abertura nacional da campanha foi realizada na última quinta-feira, 26 de abril, no Teatro Facisa, num evento que contou com uma prestigiada presença de diversos representantes do Sistema Nacional de Trânsito, do Denatran, de membros de 22 estados do Focotran – Fórum Nacional de Conselhos de Trânsito, além dos coordenadores do Observatório Nacional de Segurança Viária, Ong criadora do Movimento Maio Amerelo.O mês de maio foi proposto pelos órgãos de trânsito de todo o mundo motivado por uma proposta de ação para segurança no trânsito da Organização das Nações Unidas (ONU). E a cor amarela foi escolhida por significar advertência no trânsito.

Fonte: Codecom

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.

TOPO