Durante desfile cívico, agentes da STTP pedem paz no trânsito

desfile_STTPNa manhã do último domingo, 07, a STTP esteve participando e apoiando o desfile cívico do Dia da Independência, disponibilizando apoio operacional e logístico através de todos os seus setores: Divisão de Sinalização, Trânsito e Transportes. Ainda durante o evento e integrando as forças de segurança, um efetivo de agentes de trânsito e fiscais de transporte da STTP desfilou pela Avenida Floriano Peixoto, apresentando à sociedade todas as viaturas e motocicletas disponíveis para as operações e fiscalizações, todos pedindo paz no trânsito.

Através de bandeiras afixadas nos carros e nas motocicletas e exibindo o slogan “A paz no trânsito é você quem faz”, os agentes e fiscais da STTP, durante todo o desfile, reforçaram a campanha em prol da vida e em memória às vitimas do trânsito, inclusive recebendo apoio da população através dos inúmeros aplausos recebidos por todo o trajeto.

No Brasil, cerca de 1.400 pessoas morrem por mês em acidentes de trânsito, número que supera o de vítimas em algumas regiões onde há guerra. Entre as principais causas estão os atropelamentos, que também são as maiores causas de falecimentos no trânsito brasileiro; só perdem para os que envolvem motocicletas.

A campanha “Paz no Trânsito”, invocada pelos agentes da STTP durante o desfile de 7 de Setembro reforçando que cada um deve fazer sua parte para evitar acidentes, faz parte do cronograma de ações da Semana Nacional de Trânsito, cujas atividades serão realizadas de 18 a 25 de setembro, pela Divisão de Educação de Trânsito da STTP.

A iniciativa da campanha “Paz no Trânsito” será contínua e quatro temas estão sendo trabalhados nessa primeira etapa: o uso obrigatório de cinto de segurança; alerta sobre o uso do celular ao dirigir; o respeito à faixa de pedestre e às vagas para idosos e deficientes físicos.

“O desfile cívico foi um momento muito sugestivo para iniciar o cronograma de atividades da Semana Nacional de Trânsito. Todos devem exercer sua cidadania multiplicando a informação, e com a conscientização de cada um que dirige um veículo, lembrando também que todo motorista é pedestre, e respeitar a faixa é respeitar a vida”, disse Patrício Barros, gerente de trânsito da STTP.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.

TOPO