Em cinco anos, Sesuma recolheu mais de um milhão de toneladas de lixo e tapou cerca de 300 mil buracos

Ao assumir a Prefeitura Municipal de Campina Grande, em janeiro de 2013, o prefeito Romero Rodrigues (PSDB), adotou como medida emergencial e prioritária para àquele momento, a limpeza urbana da e a recuperação da malha viária, que transformou a cidade num, verdadeiro caos, por conta do desmando administrativo do gestor anterior que deixou a população literalmente no lixo.  Em cinco anos, já foram retirados das ruas, mais de  um(1) milhão de toneladas ( 1.022,851.70).

Naquele ano foram retiradas das ruas quase 212 mil toneladas de lixo domiciliar e de terrenos baldios. Fazendo um comparativo, cinco anos depois, agora em 2017 foram recolhidos 170 mil toneladas, ou seja,  50 mil a menos, mesmo com a população bem maior. Também não foi diferente com a operação tapa-buracos.  Naquele primeiro ano de Governo foram  101 mil m² de recuperação, enquanto agora foi menos que a metade disso, 44 mil. Em cinco ano, mais de 300 mil metros.

A gestão Romero Rodrigues, tem sido destaque em todas as pesquisas quando o assunto é limpeza e mobilidade urbana, mas também em pavimentação de ruas, construção e recuperação de praças, perfuração de poços,  iluminação, recuperação de estradas, limpeza e construção de barreiros, e manutenção das ruas e avenidas com capinação, varrição e pintura de meio-fio, e recuperação dos canteiros.

Um levantamento da Sesuma, mostra o quantitativo desses serviços essenciais na vida do cidadão campinense, que passaram a ter uma vida mais saudável, livre do lixo nas ruas e terrenos baldios e o tráfego de veículo bem melhor com esses serviços.

Então vejamos-

Coleta de Resíduos Sólidos Urbanos ( domiciliares, lixo de ponto, feiras, mercados e terrenos baldios: 2013( 211.805 t); 2014 ( 234.641); 2015 ( 201.985); 2016 ( 204.166), E 2016 ( 170.252), totalizando 1.022.851.70 toneladas.

Operação tapa-buracos em metros quadrado, 2013 ( 101.400m): 2014 ( 61.100); 2015( 52.300); 2016( 39.500) e 2017 (  44.150), totalizando 300. 450 metros.

Só a Sesuma, em cinco anos pavimentou 304 ruas em paralelepípedo;  construiu 29 praças;  Implantou 974 novos postes de iluminação ( 460 só em 2017), a maioria com lâmpadas de LED;  perfurou 101 poços artesianos ( 68 em 2017).

Existem outros números surpreendentes. Em cinco anos, foram 322.305 (mil), quilômetros em varrição de ruas;  16.690, em capinação;  6.246, em pintura de meio-fio;  patrolamento de 414 campos de futebol; 942 animais recolhidos das ruas ( mortos), e 2.176, vivos.

Outro destaque foi a preservação do Meio Ambiente com a implantação do Programa Minha Àrvore, que em cinco anos plantou  28.338 novas mudas. Em 2017, foram 9.507, e a meta é plantar mais 30 mil nos próximos 3 anos.

Por tudo isso é que o secretário Geraldo Nobre Cavalcante, tem seu trabalho e de sua equipe reconhecidos.  Em 2018, a  determinação do prefeito Romero Rodrigues é superar esses números.

Fonte: Codecom

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.

TOPO