Gevisa lança selo de qualidade para os 150 anos de Campina

Betania_Araujo_gevisa150Estabelecimentos da rede de serviços de gastronomia e hotelaria de Campina Grande receberão um selo de qualificação da Gerência de Vigilância Sanitária da Secretaria Municipal de Saúde – Gevisa. O objetivo da iniciativa é atestar a qualidade dos serviços oferecidos pelas empresas do setor no ano em que a cidade comemora 150 anos de emancipação política. O lançamento oficial do selo acontecerá nesta segunda-feira, 02, às 10h, na sede da Gevisa, Rua Manoel Elias de Araújo, 586, Jardim Tavares.

Vão receber o selo de qualidade bares, restaurantes, lanchonetes de médio e grande porte, pousadas, hotéis, motéis e padarias que atenderem aos critérios estabelecidos pela Gevisa e foram certificados nas inspeções sanitárias. As normas foram definidas de acordo com as legislações vigentes tanto para os serviços de alimentos quanto para os de interesse à saúde pública. Foram aplicados questionários para avaliar questões como infraestrutura da empresa, acondicionamento de materiais, manipulação e fluxo de alimentos e destino de resíduos sólidos, por exemplo.

Segundo a gerente da Gevisa, Betânia Araújo, a ideia do selo surgiu da necessidade de criar uma marca de referência para os serviços que vêm atendendo às exigências sanitárias no município. “Com o São João e a Copa do Mundo, Campina se consolida na rota do turismo internacional e a cidade não poderia deixar de mostrar que a prefeitura fiscaliza os estabelecimentos para garantir a qualidade no atendimento aos turistas, no que diz respeito às normas de vigilância sanitária”, explicou.

De acordo com a gerente, o selo de qualidade ainda é uma forma de homenagear o município no seu sesquicentenário, que será comemorado em outubro. “A cidade cresce e se estabelece como referência em turismo graças, também, à excelência dos seus serviços. Por isso, nada mais justo que reconhecer os estabelecimentos regulados que se preocupam com a saúde da sua população, contribuindo com a Gevisa na promoção à saúde”, concluiu.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.

TOPO