Inscrição para o Aluízio Campos terá dia especial nesta segunda-feira

inscricao_aluizio_camposAtendimento exclusivo para idosos, grávidas e pessoas com deficiência

Por determinação do prefeito de Campina Grande, Romero Rodrigues, os idosos, grávidas e pessoas com deficiência em adquirir uma das 4.100 casas do Complexo Aluízio Campos, terão um dia de atendimento especial. Isto porque nesta segunda-feira, dia 9 de novembro, estes segmentos sociais serão atendidos no Ginásio “O Meninão”, onde acontece o processo de inscrição.

“De fato, determinei que o dia 09 de novembro será exclusivo para o cadastramento de pessoas idosas, senhoras grávidas e pessoas portadoras de algum tipo de deficiência. Assim, elas não terão que enfrentar o fluxo diário que vem se processando desde o início do prazo de inscrição”, garantiu o prefeito.

Para chegar a essa determinação, Romero que acompanha todo o processo de perto, ouviu as pessoas e sentiu a dificuldade de cada uma, em seu estado limitador físico, ora por ser idosa, com necessidades especiais ou senhoras grávidas. Por isso, diante do que foi constatado, o prefeito agiu com a sensibilidade de um administrador preocupado com o bem-estar público.

Independente desta data especial, as demais pessoas interessadas em casas no conjunto Aluízio Campos continuam se inscrevendo nesta sexta-feira, dia 06, no Ginásio “O Meninão”, que está dotado de toda estrutura para atender quem procura se cadastrar naquele que é o maior núcleo habitacional em construção no País.

Batizado de Complexo Aluízio Campos, o local onde estão sendo construídas as casas terá ainda três creches, duas escolas, duas Unidades Básicas de Saúde da Família e duas praças com academia. Os serviços são executados pela Construtora Rocha.  O Complexo Aluízio Campos está localizado no bairro do Ligeiro, entre Campina Grande e Queimadas, às margens da BR-104, tendo características de uma comunidade com acessibilidade, moderna e sustentável.

Além das moradias, centenas de empresas vão se instalar no local, dando oportunidade de trabalho aos próprios moradores. No local, também haverá a instalação de uma Tecnópolis, destinada a integrar agentes e produtores de tecnologia. O setor será integrado por um complexo de pesquisa e fabricação de equipamentos dotado dos mais avançados padrões tecnológicos.

Todo o projeto do conjunto habitacional está orçado em aproximadamente R$ 300 milhões, oriundos do Governo Federal, e terá uma contrapartida de R$ 23 milhões da Prefeitura Municipal, que adquiriu o terreno onde o conjunto é construído.

As casas terão sala para dois ambientes, cozinha com área de serviço, dois quartos e banheiro. Ainda conforme o projeto, as unidades terão acessibilidade e receberão um sistema de aquecimento solar nos chuveiros. A gestão municipal ainda fará investimentos na infraestrutura da área, que receberá os serviços de pavimentação, esgotamento sanitário, drenagem e sistema de eletrificação.

Fonte: Codecom

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.

TOPO