Mais de 1.400 aproveitam atendimento exclusivo de inscrições do Aluízio Campos

inscircao_especial_aluizio_camposNesta segunda-feira, 09, a tranquilidade marcou o dia de atendimento exclusivo para que idosos, grávidas e pessoas com deficiência fizessem suas inscrições para adquirir uma das 4.100 casas do Complexo Aluízio Campos.

De acordo com o secretário de Administração Municipal, Paulo Roberto Diniz, aproximadamente 1.500 pessoas foram ao Ginásio de Esportes “O Meninão” para fazer suas inscrições.

Oficialmente, as inscrições foram encerradas na última sexta-feira, 06, com 15.140 cadastrados, já contando com os inscritos nesta segunda, conforme a Secretaria de Administração.

A realização de um dia especial para esse atendimento exclusivo foi uma determinação do prefeito de Campina Grande, Romero Rodrigues, que percebeu o grande número de grávidas, idosos e pessoas com alguma deficiência nos dias anteriores de atendimento às inscrições.imagem

“Foi realizado um atendimento especial nesta segunda-feira. Nosso objetivo era fazer com que essas pessoas não enfrentassem longas filas no fluxo diário que vinha ocorrendo desde o início do prazo de inscrições para as casas do Aluízio Campos”, garantiu o prefeito.

Romero Rodrigues acompanhou quase todo o processo de inscrição, ouvindo as pessoas e checando o atendimento ao público por parte da equipe da Secretaria de Administração.

Além das 4,1 mil casas, o complexo Aluízio Campos será dotado de três creches, duas escolas, duas unidades básicas de saúde da família (UBSFs) e duas praças com academia. O projeto do conjunto habitacional está orçado em cerca de R$ 300 milhões, oriundos do Governo Federal, e contrapartida de R$ 23 milhões da Prefeitura de Campina Grande, que também adquiriu o terreno onde o conjunto está sendo construído.

Os serviços são executados pela Construtora Rocha.  O Complexo Aluízio Campos está localizado no bairro do Ligeiro, entre Campina Grande e Queimadas, às margens da BR-104, tendo características de uma comunidade com acessibilidade, moderna e sustentável.

As casas terão sala para dois ambientes, cozinha com área de serviço, dois quartos e banheiro. Todas as unidades terão acessibilidade e receberão um sistema de aquecimento solar nos chuveiros. A gestão municipal ainda fará investimentos na infraestrutura da área, que receberá os serviços de pavimentação, esgotamento sanitário, drenagem e sistema de eletrificação.

imagem

Fonte: Codecom

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.

TOPO