Movimento Brasil sem Parasitose oferece serviços médicos em Campina Grande

Campina Grande foi uma das 14 cidades brasileiras escolhidas pelo Movimento Nacional “Brasil sem Parasitose” para receber o programa neste primeiro semestre de 2017. Desta segunda-feira, 5, até a próxima quinta-feira, 8, vários serviços estarão sendo ofertados gratuitamente, das 8h às 17h, no Parque da Criança.

São consultas e avaliações com gastroenterologistas e outros médicos, além de enfermeiros, nutricionistas e agentes de saúde. O objetivo é esclarecer a população sobre os riscos das parasitoses, uma doença que atinge cerca de um quarto da população mundial, de acordo com a Organização Mundial de Saúde (OMS).

Além das consultas, as pessoas também recebem medicação nos casos necessários. O projeto também consiste em um trabalho educativo, de conscientização sobre práticas adequadas de higiene pessoal e doméstica para evitar a transmissão dos parasitas intestinais. Além das orientações com os profissionais de saúde, em um ambiente que retrata uma residência, uma peça teatral é encenada para chamar a atenção para o assunto.

A estrutura é montada em um caminhão e está situada no centro do Parque da Criança. A Secretaria Municipal de Saúde está dando o apoio logístico e de profissionais para a execução do trabalho.

Em Campina Grande já é desenvolvido o serviço de Vigiágua, da Coordenação de Vigilância Ambiental, que fiscaliza o acondicionamento da água em estabelecimentos, restaurantes, hotéis, aeroporto e terminais rodoviários, para evitar a transmissão de doenças de veiculação hídrica, assim como também as parasitoses. A Vigilância Ambiental também faz um rigoroso trabalho de combate à Leishmaniose, que é uma doença provocada pelos parasitas e uma das que mais afetam os humanos.

Apesar de ser uma doença comum, Campina Grande está em uma situação confortável, isto porque a falta de saneamento básico é um dos principais fatores que favorecem as parasitoses e Campina Grande está entre as 20 cidades do Brasil mais bem avaliadas em saneamento básico e abastecimento de água. De acordo com estudo feito pela ONG Trata Brasil, Campina Grande está em 18º lugar no ranking dos municípios brasileiros com melhor saneamento.

Fonte: Codecom

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.

TOPO