PMCG inicia debates para elaboração do Plano Municipal de Educação

Iolanda_forum_eduA Prefeitura de Campina Grande iniciou os debates para elaboração do Plano Municipal de Educação (PME) durante o I Fórum da Rede Municipal de Educação, evento que acontece até esta quarta-feira, 09 de julho. O plano é o documento que define metas e diretrizes para a educação no período de dez anos. Todos os segmentos que compõem a rede municipal de ensino serão ouvidos durante o fórum, entre professores, gestores, educadores e equipe técnica de apoio.

A previsão é de que o plano será concluído até dezembro, entrando em vigor no ano das comemorações dos 150 anos de emancipação política de Campina Grande. O Plano será encaminhado para apreciação da Câmara de Vereadores e, após a aprovação no legislativo municipal, seguirá para sanção do prefeito Romero Rodrigues. A PME é uma exigência prevista no Plano Nacional de Educação (PNE).

O debate para elaboração do plano será feito de forma contínua, conforme explicou a secretária de Educação Iolanda Barbosa. “Todos nós que compomos a rede municipal de educação estamos nos comprometendo com a elaboração e consolidação de um plano municipal de educação, e esse debate que se inicia com o fórum terá continuidade a partir de uma série de diálogos com todos os segmentos. Dessa forma, vamos construindo e tecendo uma rede de saberes e fazeres”, afirmou.

As discussões começaram na noite da última terça-feira, 07 de julho, com a realização da mesa-redonda “Construindo e vivenciando o currículo inovador”, que reuniu pesquisadores em educação das três principais universidade públicas da Paraíba. Participam do debate, promovido no Teatro Municipal Severino Cabral, as professoras Andréia Ferreira (UFCG), Elisa Gonçalves (UFPB), Francisca Salvino (UEPB) e Lúcia Celino (UEPB).

A partir desta terça-feira, 08 de julho, o fórum municipal debate sobre a elaboração do PME e a renovação do currículo escolar da rede municipal, e será conduzido pelos profissionais que atuam nas escolas e creches do Município.

O Fórum acontece simultaneamente em 10 locais: Escola Municipal Félix Araújo, na Casa da Criança Dr. João Moura e na Vila do Artesão (professores), teatro Rosil Cavalcante (gestores), Centro de Tecnologia e Educação (técnicos), Teatro Municipal (equipe de apoio), Escolas Roberto Simonsen e Centenário (educação infantil), mini-teatro Paulo Pontes (educação física), Cepacs (professores de capoeira) e no auditório da Secretaria de Cultura (oficineiros do “Mais Educação” e “Mais Cultura”).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.

TOPO