PMCG não autorizou aumento da tarifa de mototáxi

motos_mototaxiObjetivando coibir eventuais abusos por parte de alguns mototaxistas da cidade aos seus usuários, a Prefeitura Municipal de Campina Grande, através da Gerência de Transportes da STTP, reforça novamente o verdadeiro valor da tarifa regulamentada para mototáxi cadastrado, que atualmente está fixada no valor de R$ 5, unificado para dias úteis, sábados, domingos e feriados.

De acordo com a gerente de transportes da STTP, Araci Brasil, nos últimos dias foram constatadas várias denúncias de cobranças indevidas dessa tarifa, sem a autorização da Superintendência. As pessoas que se sentirem lesadas devem comunicar à STTP, informando o número do mototaxista, que está na localizado na jaqueta, na moto e até mesmo no capacete, para que possam ser tomadas as providências cabíveis.

O motivo alegado por alguns mototaxistas para o aumento irregular da tarifa ocorre pelo fato de que estes fazem parte do sistema de transporte público individual de passageiros e acreditam que teriam direito de cobrar no mês de dezembro a tarifa diferenciada, aprovada pelo COMUTP, caso o prefeito já tivesse homologado, assim como acontece com os taxistas. Porém, a STTP esclarece que esta prática é ilegal, já que a homologação ainda não aconteceu.

No ano passado, o sindicato da categoria solicitou a unificação da tarifa, sem distinção de dia ou horário. Este ano, foi solicitado ao COMUTP (Conselho Municipal de Transportes Públicos) a aprovação do valor da tarifa diferenciada para R$ 6. “Não houve autorização do prefeito para esse reajuste. Portanto, está valendo a tarifa de R$ 5 para toda a zona urbana. Para os distritos, o valor deverá ser acordado antecipadamente entre o permissionário e o passageiro antes da viagem”, disse Araci Brasil.

Ainda conforme a gerente, é importante que a sociedade identifique e se habitue para a utilização apenas dos mototaxistas cadastrados junto ao órgão, pois eles proporcionam segurança e estão completamente legalizados, podendo ser controlados pela autarquia, diferentemente dos mototaxistas clandestinos (ilegais).

O mototáxi regulamentado pela STTP pode ser facilmente identificado através da moto branca, com placa de aluguel (vermelha), contendo o número de cadastro igual na sua moto, colete e nos capacetes brancos. Para outras informações adicionais, a população tem à disposição o número 3341 1517.

1 comment

  1. Robson

    Vocês pedem para denuciarmos, a gente denuncia e nenhuma providência é tomada,eu trabalho no Shoopin Partage e todos os dias tenho que pegar moto na rua (clandestino) porque os que rodam lá querem cobrar 10,00 para as Malvinas e ainda são cheio de bocão e piadinhas,mandando a gente ligar para a CG (só porque foi proibida de rodar), e aí? Reclamar a quem?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.

TOPO