Prefeito entrega duas UBS no Raimundo Suassuna e anuncia construção de novas unidades

A partir agora, os moradores do Conjunto Raimundo Suassuna, em Campina Grande, passam a contar com duas Unidades Básicas de Saúde para atender à população da comunidade. Os postos foram entregues, na manhã desta terça-feira, 30, pelo prefeito Romero Rodrigues. Na solenidade, o prefeito destacou as ações da Prefeitura na área de saúde e anunciou também o início da construção de outras duas unidades de saúde no Conjunto Major Veneziano e no Conjunto Pedro Gondim saúde nos próximos meses.

As duas UBS do Raimundo Suassuna foram construídas pela CEHAP – Companhia Estadual de Habitação e entregues à Prefeitura de Campina Grande, que equipou os postos, contratou equipe médica e vai administrar as UBS. Cada unidade contará com uma equipe da Estratégia de Saúde da Família e terá capacidade para atender até 4 mil pessoas, oferecendo atendimento médico, além de serviços da Atenção Primária, como vacinação, curativos e acompanhamento para crianças, idosos, diabéticos e hipertensos.

O prefeito Romero Rodrigues ressaltou o compromisso da atual gestão da administração municipal com as políticas de garantias de direitos essenciais à população campinense. “Estamos cumprindo nosso compromisso de fortalecer a Atenção Primária à Saúde, entregando dois importantes equipamentos sociais para estas comunidades. Recebemos os prédios das unidades, fizemos as intervenções necessárias e, sobretudo, vamos garantir a manutenção dos serviços”, assegurou.

De acordo com a secretária de saúde, Luzia Pinto, as unidades, que levam os nomes da enfermeira Anailda Carvalho Marinho e do empresário Aluísio Salviano de Farias, precisam ser habilitadas pelo Ministério da Saúde para que o município possa receber os recursos de custeio. “Vamos tentar processo de habilitação, embora as unidades tenham sido construídas pela CEHAP fora dos padrões exigidos pelo Governo Federal. Os postos não possuem, por exemplo, sala para odontologia. Iremos buscar soluções para superar estas falhas e garantir o atendimento integral à população”, explicou.

Fonte: Codecom

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.

TOPO