Prefeito manda abrir sindicância para apurar morte de paciente no Isea

romero_iseaO prefeito de Campina Grande, Romero Rodrigues, determinou a imediata instauração de sindicância para apurar as circunstâncias da morte da doméstica Maria José Saraiva, que residia em Queimadas e faleceu na madrugada de segunda-feira, no Instituto de Saúde Elpídio Almeida.

Independente das  explicações iniciais do corpo técnico da Maternidade, de que tudo fora feito em beneficio da saúde da paciente, o prefeito destacou que é preciso apurar, através Secretaria de Saúde,  a autoria ou a existência de possível irregularidade praticada no curso do atendimento, para tomadas de providências devidas, se for o caso.

A diretora da Maternidade, Marta Albuquerque, por seu turno, já adiantou em entrevista aos meios de Comunicação, que a paciente, que estava grávida,  recebeu toda a assistência necessária durante o período em que esteve internada no Isea, que dispõe de cinco obstetras de plantão, por dia. Além da sindicância, o caso também será acompanhado pelo Comitê Municipal de Investigação de Óbito Materno Infantil.

Fonte: Codecom

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.

TOPO