Prefeitura antecipa folha com reajuste e injeta 21 milhões na economia

Por determinação do prefeito Romero Rodrigues, o pagamento dos servidores públicos efetivos e os comissionados da Prefeitura de Campina Grande, referente ao mês de janeiro, que estava programado para esta quinta-feira, 29, foi mais uma vez antecipado. Estes servidores receberam nesta quarta-feira, 28. Desta forma, o compromisso da gestão municipal com o funcionalismo foi honrado um dia antes do que estava previsto.

Já com o reajuste concedido aos servidores que percebem o salário mínimo, somando-se aos aposentados e pensionistas do Instituto de Previdência do Município (Ipsem), cujo pagamento foi feito na terça-feira passada, 27, a Prefeitura injetou mais de R$ 21 milhões na economia do município. A folha dos 8.316 servidores da ativa ultrapassa os R$ 17 milhões, enquanto que o pagamento dos inativos, que somam 3.319, é da ordem de R$ 4,3 milhões.

O secretário executivo de Finanças do Município, Joab Pacheco, afirmou que a recomendação do prefeito Romero Rodrigues é sempre valorizar, cada vez mais, o servidor. Desta forma, os servidores estão recebendo seus salários sempre dentro do mês trabalhado. O impacto na folha, com o acréscimo relativo ao reajuste salarial, segundo o secretário Joab Pacheco, é da ordem de R$ 500 mil por mês, o que equivale a um total superior a R$ 6 milhões, ao longo do ano.

“Pagamos com mais um dia de antecipação a todos os servidores efetivos e comissionados, inclusive aos servidores da Saúde”, disse Romero Rodrigues. O prefeito lembrou que, mesmo com o atraso no repasse dos recursos federais para o setor, decidiu pela antecipação.

Segundo o prefeito, para efetuar o pagamento dos servidores da Saúde, a Prefeitura precisou desembolsar R$ 4 milhões de seus próprios recursos. Ele esclareceu, mais uma vez, que os problemas de atraso no pagamento, verificados recentemente, foram gerados pelo não repasse de recursos, por parte do Ministério da Saúde, para todos os municípios do país.

O prefeito reiterou a disposição em sempre valorizar os servidores, envidando todos os esforços para pagar em dia, e no próprio mês trabalhado. Outra determinação do prefeito é dialogar, com a categoria, visando atender aos seus pleitos dentro das possibilidades do município.

Joab Pacheco afirmou ainda que o pagamento dos salários referentes a janeiro, dos prestadores de serviços da Prefeitura, está previsto para a primeira semana de fevereiro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.

TOPO