Prefeitura intensifica ações do Proinsa em 2016

vacinacao_aftosaA Prefeitura Municipal de Campina Grande, por meio da Secretaria Municipal de Campina Grande, intensifica em 2016 o Programa de Inseminação Artificial e Sanidade Animal (Proinsa). Este programa desenvolve ações como vacinação contra a brucelose e a febre aftosa, exames de brucelose, ultrassonografias, inseminação artificial, acompanhamento do nascimento de bezerros, além da realização de visitas técnicas.

De acordo com os levantamentos da Seagri, na atual gestão foram vacinadas contra brucelose 851 bezerras de três a oito meses. Já contra a febre aftosa, neste governo, foram aplicadas quase 21 mil doses de vacina. Quanto a exames de brucelose, aconteceram 644, enquanto o número de ultrassonografias foi de 789 ao longo doa deste período administrativo.

Em relação a inseminação artificial, a Seagri já registrou 279 procedimentos, com o nascimento de 50 bezerros. Os criadores beneficiados tiveram total acompanhamento. Por isso, só em 2015 aconteceram 152 visitas técnicas.

Para 2016, a Seagri vai beneficiar os produtores da zona rural de Campina Grande com o retorno dos exames de brucelose e turberculose destinados a bezerras de três a oito meses. Também será retomada a avaliação da parte reprodutiva dos animais mediante a realização de exames de ultrassonografia. Para tanto, os produtores interessados já podem procurar a Seagri. Atualmente, 67 produtores estão cadastrados.

Também em 2016, acontece mais uma vez a campanha de vacinação contra a febre aftosa, a ser desenvolvida em duas etapas, nos meses de maio e novembro, sendo um serviço gratuito para os pecuaristas de Campina Grande. Em cada etapa deverão ser vacinados pelo menos cinco mil animais, sendo que as equipes da Seagri estarão visitando cada propriedade da nossa zona rural.

Em Campina Grande, o Proinsa é coordenado pelo veterinário Gláucio Maracajá.  O objetivo do programa é melhorar a genética dos animais e consequentemente a produção leiteira das vacas inseminadas, assim como, a sanidade animal contribuindo para o Programa Nacional de Sanidade Animal.

De forma inédita, conforme explica o secretário de Agricultura, Fábio Medeiros, a PMCG é a única prefeitura da Paraíba a realizar esse Programa, atendendo-se a uma determinação do prefeito Romero Rodrigues. Paralelo a isso, a limpeza de barreiros, corte de terras e silagem se somam na contribuição da PMCG para que o as agricultores tenham mais água e forragem para fornecerem aos animais, garantindo assim, um melhor suporte hídrico e nutricional.

Fonte: Codecom

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.

TOPO