Prefeitura promove aulão contra mosquito Aedes aegypti em 119 escolas

 Romero_alunosO combate ao mosquito transmissor da Dengue, Febre Chikungunya e do Zika vai mobilizar mais de 20 mil estudantes da Rede Municipal de Campina Grande na próxima quinta-feira, 10 de dezembro. A Prefeitura vai promover um “aulão” simultâneo em 119 escolas, integrando todas as turmas do 1º ao 9º ano do ensino fundamental. As aulas de prevenção serão realizadas a partir das 7h e também vão acontecer no turno da tarde.

O prefeito Romero Rodrigues vai abrir oficialmente a ação de conscientização, ministrando a aula de prevenção na Escola Municipal Anésio Leão, localizada no bairro do Monte Castelo. A escola está situada na zona lesta da cidade, uma das áreas prioritárias no combate à infestação do mosquitoAedes Aegypti. A aula com o prefeito Romero Rodrigues está prevista para começar às 8 horas.

A meta da prefeitura é atingir ao todo cerca de 100 mil famílias, transformando cada aluno em um agente multiplicador da conscientização.

“Mais de 20 mil alunos vão participar das aulas e prevenção contra a dengue e vamos estimular cada um deles a levar as informações para pelo menos cinco casas, ampliando o debate para além da escola, integrando também a comunidade e as famílias”, explicou a secretária de Educação do município, professora Iolanda Barbosa.

A ação tem o objetivo de reforçar a prevenção ao Zika Vírus no momento em que a doença está sendo relacionada ao aumento no número de casos de microcefalia em todo o país. Além da Zika e da Dengue, o mosquito Aedes Aegypti também é responsável pela transmissão da febre Chikungunya. O aulão é uma ação integrada entre as secretarias municipais de educação e saúde.

Todas as escolas participantes receberam materiais educativos, com panfletos apresentando as principais dicas de combate ao mosquito. O material foi desenvolvido em linguagem direta e acessível, com foco no público infantil. Os panfletos serão distribuídos durante o “aulão”.

Entre as dicas apresentadas, a principal é eliminar ou vedar recipientes que possam acumular água, usada pelo mosquito para se reproduzir. Para tanto, todos nós devemos manter as calhas limpas, usar terra ou areia em vasos de plantas ao invés da água, manter reservatórios sempre fechados, emborcar todos os recipientes e eliminar todos os objetos não utilizados e que possam acumular água, entre outras.

Fonte: Codecom

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.

TOPO