PROCON entrega Selo Empresa Amiga do Consumidor nesta terça

O Procon Municipal estará entregando a premiação do Projeto Selo “Empresa Amiga do Consumidor”, em solenidade com iniciou previsto para 10h, desta terça-feira, 06, no auditório da Associação Comercial e Empresarial de Campina Grande.

Nesta 1ª edição serão premiadas 14 empresas no segmento de Bares e Restaurantes. O objetivo do projeto Selo Empresa Amiga do Consumidor é certificar bares e restaurantes que agem de acordo com o Código de Defesa do Consumidor.

É, igualmente, uma forma de incentivar a melhoria na qualidade do serviço prestado em Campina Grande e Distritos, através do poder de compra do consumidor, que identificará quais os melhores bares e restaurantes antes de usar os serviços.

O Selo tem três categorias de acordo com os itens obrigatórios expostos no edital – uma estrela (padrão bronze), duas estrelas (padrão prata) e três estrelas (padrão ouro). Mas a empresa que apresentar além dos itens obrigatórios, os facultativos, poderá ascender a mais duas estrelas. Recebendo ao final do Selo Empresa Amiga do Consumidor até 5 estrelas.  O certificado tem validade por um ano e pode ser cancelado a qualquer momento em caso de irregularidades constatadas pelo Procon e órgãos parceiros participantes do Projeto.

Participam como parceiros do Projeto junto ao Procon, outros órgãos da Prefeitura Municipal de Campina Grande (Vigilância Sanitária, Comunicação, Secretaria de Desenvolvimento e Coordenadoria de Turismo), a Associação Comercial de Campina Grande, Conselho Estadual dos Direitos da Pessoa com Deficiência, Corpo de Bombeiros Militar da Paraíba e o Sindicato de Bares e Restaurantes e similares.

O coordenador do Procon, Rivaldo Rodrigues informa que outros selos devem ser lançados em breve, com os segmentos de supermercados e farmácias. Ele acrescenta que, “estamos trabalhando no sentido de aumentar esse leque de empresas amigas do consumidor. Quando uma empresa ou comércio apresentar o Selo em seu empreendimento, o cliente vai ter a certeza que o Código do Consumidor é respeitado, como também os requisitos da Vigilância Sanitária e Corpo de Bombeiros”.

 Fonte: Codecom

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.

TOPO