Programa Capacitar fará exposição e bazar da produção realizada nos treze cursos

Programa_CapacitarA partir do próximo mês de novembro o Programa Capacitar, da Prefeitura de Campina Grande, iniciará uma exposição para apresentar os trabalhos produzidos pelos quase 800 participantes dos treze cursos oferecidos desde o último mês de agosto. Para dezembro existe a possibilidade de instalação de um bazar, na Praça da Bandeira, para a comercialização de peças artesanais, de costura e alimentos também produzidas pelos participantes do programa. Lançado em agosto deste ano, por meio de uma parceria com a Câmara de Dirigentes Lojistas de Campina Grande, Agência Municipal de Desenvolvimento (AMDE) e Secretarias de Educação (Seduc) e de Assistência Social (Semas), o Programa Capacitar visa reintegrar ao mercado de trabalho pessoas em situação de vulnerabilidade social.

De acordo com Marcela Borges, coordenadora do Programa Capacitar, a exposição deverá acontecer no Teatro Municipal Severino Cabral, com a presença e mostra de todas as peças produzidas pelas primeiras turmas dos treze cursos oferecidos. Existe ainda a possibilidade de ser realizado um desfile de moda, com roupas confeccionadas pelos alunos do curso de corte e costura. As modelos deverão ser produzidas pelos participantes dos cursos de cabeleireiro, maquiagem e manicure. “Na exposição vamos mostrar todo o trabalho desenvolvido nesse período de cursos. Vamos valorizar a produção dos alunos”, declarou.

Já o bazar, que deverá ser instalado na Praça da Bandeira, será uma oportunidade de os participantes dos cursos colocarem em prática seu lado empreendedor. “Além de ensinar uma atividade aos participantes, o Programa Capacitar pretende, ainda, desenvolver nessas pessoas seu lado empreendedor. É interessantes que elas produzam e comercializem suas peças, permitindo a geração de renda”, destacou Marcela.

Entre as peças, que serão levadas em dezembro para o Bazar da Praça da Bandeira, estarão os cartões de Natal e artigos de decoração natalina (muitos confeccionados em 3D), além de trabalhos produzidos nos cursos de decoupagem e peças confeccionadas a partir de materiais reciclados (vidro, madeira, papelão e retalhos de pano). Para os campinenses, será uma oportunidade para adquirir peças de decoração natalina (flores e guirlandas, entre outras) confeccionadas por pessoas do município e comercializadas por preços mais acessíveis ao bolso dos cidadãos.

Marcela disse ainda que a produção de peças com materiais reciclados tem sido bastante satisfatória. “Com base nessa experiência estamos analisando a possibilidade de trabalharmos, no próximo ano, com catadores que atuam na cidade de Campina Grande”, disse. Entre as peças confeccionadas com materiais reciclados estão muitos utilitários, como os  porta-lápis, tapetes e artigos de cozinha.

O programa Capacitar beneficia, desde seu lançamento, pessoas vinculadas a 51 instituições, entre clubes de mães, associações comunitárias e escolas da rede municipal.  São treze cursos, oferecidos na primeira etapa do programa, em 49 turmas instaladas nos Clubes de Mães da cidade. Outras turmas estão na zona rural de Campina Grande, área onde é intensa a busca pelos cursos das áreas de tecnologia e artesanato (este dividido entre as aulas de decoupagem, kirigami e técnicas de trabalho em tecido).

Durante a capacitação, com duração média de três meses, os participantes recebem uma bolsa-auxílio mensal, no valor de R$ 80,00. O pagamento é realizado para os que mantém a frequência de 75% das aulas. Ao término do curso os participantes serão encaminhadas para o mercado do trabalho ou orientadas para iniciar seu próprio negócio.

Fonte: Codecom

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.

TOPO