Revista Prisma destaca grandiosidade do Complexo Habitacional Aluízio Campos

A publicação, de circulação nacional, é especializada e respeitada na área de construção

O Complexo Aluízio Campos, em Campina Grande, um dos maiores empreendimentos habitacionais em construção no Brasil, com 4.100 unidades, entre casas e apartamentos, é o principal destaque do número 63 (maio de 2017), da Revista Prisma, de circulação nacional. Trata-se de uma revista especializada na área de construção, sendo uma publicação da Editora Mandarim, podendo ser acessada no endereço www.revistaprisma.com.br.imagem

A matéria sobre o Aluízio Campos é capa da revista, sendo, portanto, a principal reportagem publicada na edição de maio. O texto, que ocupa seis das 30 páginas da publicação, tem como título “Alvenaria estrutural oferece economia e produtividade em conjunto do Minha Casa Minha Vida”.

Além de completo relato técnico do empreendimento desenvolvido pela Prefeitura Municipal de Campina Grande, o texto do repórter Silvério Rocha é recheado de imagens, quadros e gráficos que destacam uma visão panorâmica do futuro conjunto habitacional. O trabalho foi produzido com base em dados do secretário municipal de Planejamento, André Agra, além de outras autoridades municipais.imagem

Segundo a revista, Campina Grande, tem um déficit habitacional estimado em 16 mil residências. Contudo, esse déficit, por determinação do prefeito Romero Rodrigues, será reduzido em mais de um terço com a inauguração do futuro Complexo Aluízio Campos, prevista para acontecer em janeiro de 2018. Das 4.100 unidades, 3.088 são apartamentos e 1.012 casas, todas dentro do faixa 1 do Programa Minha Casa Minha Vida. O trabalho é executado pela Construtora Rocha Cavalcante.

O empreendimento, um dos maiores do Brasil, vai abrigar uma população superior a de muitos municípios brasileiros, está em sua etapa final e teve todas as suas unidades construídas com alvenaria estrutural com blocos de concreto. A Prefeitura de Campina Grande entrou com o terreno para a construção de casas e empresas, além de se responsabilizar pela construção de equipamentos sociais e comunitários.imagem

Com o isso, o projeto prevê a construção, pela prefeitura, de dez praças, três creches, três escolas, duas Unidades Básicas de Saúde e demais equipamentos comunitários e sociais. Segundo informou o secretário André Agra à revista Prisma, se inscreveram 15.200 pessoas para o sorteio das 4.1 mil residências, que terá unidades especialmente projetadas para idosos e pessoas com deficiência.

A publicação da Revista Prisma é mais uma divulgação nacional do Aluízio Campos, um complexo habitacional e empresarial que hoje representa uma obra de destaque nacional, não só pela sua dimensão, mas pela sua importância social e econômica, sendo, por isso, um referencial ou modelo para gestores da Paraíba e de todo o Brasil, que tem visitado as obras frequentemente.imagem

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.

TOPO