“Samba na Vila” e “Rubacão Literário” movimentam Vila do Artesão

vila_artesaoNeste sábado (24), a partir das 14 horas, a Vila do Artesão realiza mais uma edição do “Samba na Vila”, um projeto que busca movimentar e atrair público com música ao vivo e comidas típicas. O evento acontecerá na praça de alimentação da própria Vila do Artesão, que contará com uma programação especial: o samba abre espaço para o forró, com o cantor Roninho do Acordeon, já no clima do Maior São João do Mundo.

O projeto “Samba na Vila” vem se consolidando ao longo do ano de 2014 como um evento que ocupa a programação do sábado campinense. Nesse mês de maio já se apresentaram vários artistas, como o grupo Redensamba e os cantores Júnior Meneses e Adriano José.

Quem estiver presente no sábado terá a oportunidade de desfrutar de boa música, experimentar o melhor da culinária regional na praça de alimentação e visitar os mais de 72 chalés que contam com artesanato nas mais diferentes tipologias, como fios, cerâmica, porcelanato, além de couro e madeira.

Já no domingo, 25, a Vila do Artesão promove mais uma edição do projeto “Rubacão Literário”, que acontece sempre no último domingo do mês, na praça de alimentação. Durante a programação, que terá início às 12 horas, estará se apresentando a Companhia de Teatro Cordel em Canto, cujo espetáculo consiste de intervenção urbana com acompanhamento musical.

Além da declamação de poemas tradicionais e cordéis cantados, a Companhia entoa canções de roda e interpreta, ao som de viola típica dos repentistas, instrumentos de percussão e sanfona. No desenrolar da apresentação, de cerca de 40 minutos, faz-se referência a diversos gêneros de cantoria nordestina, levando o público espectador a refletir sobre a originalidade e riqueza das manifestações e criações populares.

O projeto “Rubacão Literário” tem o objetivo de dar oportunidade a poetas, escritores, repentistas e cordelistas, que muitas vezes não encontram espaços voltados para a manifestação cultural. O evento tem o intuito de valorizar a cultura nordestina e seus artistas locais.

Quem for prestigiar “Rubacão” ainda terá a oportunidade de apreciar o melhor da culinária nordestina, com pratos típicos, a exemplo do rubacão, que dá nome ao projeto. Já a partir deste fim de semana, os restaurantes que compõe a praça de alimentação, estarão servindo o prato e também variações da culinária regional.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.

TOPO