Samu e “Mexe, Campina” garantem prática de exercícios com segurança

samu_sejelOs caminhantes e praticantes de atividades físicas do Parque da Criança e dos outros pontos do “Mexe, Campina” que estão localizados na Vila Plínio Lemos, no ginásio O Meninão, na Avenida Juscelino Kubistchek e Rua Ana Azevedo na Palmeira, agora contam com as ciclolâncias do Samu. O serviço consiste em duplas que se deslocam em bicicletas, aptas a prestarem os primeiros socorros às pessoas que se exercitam nestes locais.

Regularmente, o “Mexe, Campina” da Prefeitura de Campina Grande, executado pelas secretarias de Esporte, Juventude e Lazer (Sejel) e Saúde, já conta com professores de educação física e profissionais da área da saúde, entre eles técnicos de enfermagem, responsáveis pela verificação da pressão arterial, pesagem e acompanhamento de todos os frequentadores do programa.

O professor de educação física e técnico de enfermagem Eliezer Ferreira, integrante da ciclolância que dá suporte ao Parque da Criança, afirmou que o serviço prestado por esta nova modalidade do Samu é o mesmo do tradicional já conhecido pela sociedade, com um diferencial: devido ao tipo de transporte, eles não fazem o deslocamento do paciente.

“Nós trabalhamos da mesma forma dos companheiros das ambulâncias, aqui temos material clínico e traumático, fazemos o atendimento, avaliamos o quadro do paciente e em seguida, dependendo da gravidade da enfermidade, comunicamos a central para fazer a remoção para o hospital”, destacou Eliezer.

Já Teles Albuquerque, secretário executivo de Esportes e coordenador dos programas esportivos da cidade, disse que isto realmente é uma inovação que traz mais segurança para a população amante da atividade física.

“O trabalho que o Samu está fazendo aqui é fantástico. Nós trabalhamos e incentivamos a prática de exercícios leves e moderados, mas, existem pessoas que exageram o que pode ser tão ou mais perigoso que os que vivem no sedentarismo, podendo trazer complicações graves. Não queremos que isto aconteça, agora, acontecendo, o socorro será feito de forma imediata por estes profissionais”, finalizou Teles.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.

TOPO