Secretaria de Saúde altera vacinação de crianças e adolescentes

A Secretaria de Saúde de Campina Grande já está aplicando as mudanças no Calendário de Vacinação de Crianças e Adolescentes, promovidas pelo Ministério da Saúde. As principais mudanças são nas vacinas de Meningite e Catapora.

A partir de agora a vacina para catapora, ou varicela, passa a ter uma segunda dose, que deve ser tomada entre 4 e 6 anos. A primeira dose continua sendo aplicada aos 15 meses de vida. Antes era aplicada apenas uma dose. “A mudança tem o objetivo de melhorar a proteção das crianças, levando em consideração que tivemos muitos casos de catapora no ano passado”, explicou a Coordenadora de Imunização de Campina Grande, Miralva Cruz.

Também foi ampliada a faixa etária da vacina Meningocócica C para adolescentes. A partir de agora ela passa a ser ofertada para crianças e adolescentes entre 11 e 14 anos. Antes era de 12 a 13 anos de idade. O objetivo do Ministério da Saúde é ampliar gradativamente até 2020 para crianças de 9 a 10 anos de idade. Mas a vacina também já é aplicada em crianças por meio de duas doses,uma entre 3 e 5 meses de vida e o reforço até os 4 anos de idade.

Houve alteração também com relação à vacina da Febre Amarela. As áreas com recomendação de vacinação foram ampliadas, mas Campina Grande continua fora dessa zona de risco. A recomendação da vacina permanece para viajantes que vão para áreas com indicação da vacina, na faixa etária de nove meses a 59 anos de idade.

A lista dos locais considerados de risco pode ser acessada em http://portalms.saude.gov.br/saude-de-a-z/febre-amarela.

OUTRAS VACINAS

As demais vacinas continuam inalteradas. A imunização do Papiloma Vírus Humano (HPV) permanece disponível para a população do sexo feminino de 9 a 14 anos de idade e para a população do sexo masculino de 11 a 14 anos de idade com esquema vacinal de duas doses (0 e 6 meses). Homens e mulheres com HIV e Aids entre 9 e 26 anos também podem ser imunizados. Imunodeprimidos, como transplantados e pacientes com câncer, também têm direito à imunização.

A vacina que protege contra a Hepatite A continua sendo oferecida até os 5 anos de idade. A primeira dose da Tríplice Viral, que imuniza do sarampo, caxumba e rubéola, permanece até os 4 anos de idade. A segunda dose, pode ser até os 20. Para adultos de 30 a 49, permanece a orientação de dose única. A Tetra Viral, que além do sarampo, caxumba e rubéola, imuniza ainda contra a varicela, é até 4 anos.

Fonte: Codecom
 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.

TOPO