Secretários apresentarão à imprensa potencial do Complexo Aluízio Campos

Os secretários de Obras e de Desenvolvimento Econômico do Município, André Agra e Luiz Alberto Leite, respectivamente, apresentarão aos profissionais da imprensa nesta quarta-feira, 10 de dezembro, todo o potencial econômico do Complexo Multimodal Aluízio Campos. A palestra, que será realizada às 10h, na Vila do Artesão, faz parte do ciclo de apresentações do Complexo Aluízio Campos, que teve início durante a Fetech – Feira de Tecnologia de Campina Grande, realizada em novembro passado no Spazzio.

A área onde está localizado o Complexo Multimodal Aluízio Campos, no bairro do Ligeiro, está sendo conhecida como promissora para investimentos nos segmentos do comércio, indústria, ciência, tecnologia e empresas do setor de logística. Com mais de 800 hectares, o terreno foi adquirido no ano passado, pela atual administração, com o objetiva de atrair a atenção de novos investidores e diminuir a dependência do município dos recursos e investimentos do poder público. “A proposta da atual gestão, com a aquisição do terreno, é incrementar o dinamismo e a característica empreendedora da cidade”, disse André Agra.

A realização desse ciclo de palestras proporcionará aos participantes a oportunidade de conhecer o empreendimento, como também apresentar suas sugestões e solicitar esclarecimentos sobre os investimentos na área e a aquisição de lotes no Complexo Aluízio Campos.

Dados da Secretaria de Desenvolvimento Econômico do Município revelam que mais de 160 empresas, da Paraíba e de outros estados brasileiros, confirmaram o interesse em instalar filiais ou novas unidades na área. Entre essas empresas está a Ibrava (montadora de ônibus), que iniciou neste semestre a construção de uma filial em Campina Grande.

O Complexo receberá ainda uma “Tecnopólis”, espaço destinado ao fomento à ciência, tecnologia e informação, destinado a facilitar o desenvolvimento de produtos e serviços com foco na inovação. O espaço, primeiro do país, integrará institutos de pesquisa, agentes e produtores de tecnologia em um ambiente que permita a criação de novas tecnologias.

O Complexo Aluízio Campos receberá também um conjunto habitacional, com 4,1 mil unidades, dotado de completa infraestrutura e equipado com três creches, duas escolas, dois postos de saúde, duas praças com academia e um Centro de Referência de Assistência Social (Cras). Será a maior contratação do programa “Minha Casa, Minha Vida” neste ano e a quarta maior do Brasil no que tange ao montante de recursos para o setor habitacional.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.

TOPO