Semas capacita técnicos sobre áreas de risco no período chuvoso

A Secretaria de Assistência Social,, em ação conjunta com a Secretaria de Planejamento (Seplan), Secretaria de Serviços Urbanos e meio ambiente (Sesuma), Secretaria de Obras e Defesa Civil, realizaram uma capacitação para as equipes técnicas do Centro de Referência em Assistência Social (CRAS) e todos que compõem a Diretoria da proteção básica. O evento aconteceu nos dias 18,19 e 20, no auditório do Sine Municipal, localizado no Museu de Ciências e tecnologia.

A capacitação foi para orientar sobre o plano de ação e o conceito de risco, das áreas mais vulneráveis a alagamento que ocorre no período mais chuvoso da cidade. A identificação e mapeamento também permite que exista um maior controle sobre essas áreas, fazendo com que os casos mais graves possam ser encaminhados para os programas de habitação do município bem como os benefícios eventuais.

O papel dos técnicos da Assistência Social é realizar o cadastramento, através de visitas domiciliar às famílias que estão localizados em áreas de risco e vulnerabilidade, traçando um perfil dessa comunidade, quem são, quantos são e onde estão localizados e suas principais necessidades.

Para Valdejane Galdino, coordenadora do CRAS Mutirão, o conhecimento da equipe técnica no território onde atua é fundamental para identificar as áreas de risco no período chuvoso. “O CRAS já realizou o cadastramento de todas as famílias da nossa área de risco, enfaticamente em parceria com a Seplan, na comunidade do Riacho Verde localizado no morro do urubu no São Januário e 44 famílias na Vila dos Teimosos estão sendo monitoradas pela Semas, criando assim uma estratégia em caso de fortes chuvas estarem encaminhando as famílias para os equipamentos sociais,” finalizou a coordenadora.

Fonte: Codecom

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.

TOPO