Vila do Artesão comemora cinco anos de conquistas

vila_artesaoA Vila do Artesão comemora nessa terça-feira, 22, cinco anos de sua instalação como espaço de cultura em Campina Grande. São anos de conquistas para os artesãos, que desde então tiveram a oportunidade de se integrar em uma estrutura pensada para a produção e comercialização dos seus produtos artesanais para um público que comparece na busca de produtos de boa qualidade e preço justo.

Aqueles que comercializam na Vila do Artesão têm muito a comemorar nesses últimos três anos da administração municipal, que está sob o comando do prefeito Romero Rodrigues. O prefeito demonstrou uma atenção especial ao espaço público, por meio das ações desenvolvidas pela Agência Municipal de Desenvolvimento (AMDE), responsável pela administração do espaço de artesanato. A equipe da AMDE busca melhorias constantes em benefício dos artesãos e pessoas que frequentam a Vila da Artesão.

De acordo com o diretor de Incentivos da AMDE, Gilmar Aureliano, nos últimos três anos foram colocadas em prática políticas para atração de campinenses e turistas. Para isso foram montadas estruturas que deram dinamismo e se transformaram em atrações culturais, como a criação de uma cidade cenográfica, composta por ambientes que remetem ao interior nordestino de algumas décadas passadas. Entre esses equipamentos estão a Casa de Taipa, Bodega e uma Igreja. Entre outras criações que têm conseguido atrair o público visitante está o Memorial de Mestre Galdino, criado no ano passado e composto por peças raras de um dos mais famosos artesões do Nordeste brasileiro.

Também foi criada a “Rádio da Vila”, que funciona durante todos os dias da semana. Trata-se de uma rádio interna, voltada para os ouvintes que circulam naquele espaço público, bem como para os artesãos que participam de brincadeiras e pedidos de música. Com isso, a Rádio da Vila consegue movimentar o dia a dia das pessoas que estão no local. Houve ainda a criação do “Samba da Vila” e do “Rubacão Literário”, idealizadas pela administração, com a finalidade de melhorar a movimentação da praça de alimentação, que durante os sábados trouxe músicos que ajudaram a incrementar o rendimento dos restaurantes e quiosques existentes na praça.

Também foram idealizadas ações de marketing para fazer da Vila do Artesão um espaço mais conhecido. Para tanto, foram criados materiais gráficos de divulgação em hotéis e pontos turísticos, além de placas indicativas que sinalizam a localização do espaço público. Essas ações foram de fundamental importância para divulgação. Já a manutenção e pintura dos chalés são feitas de forma contínua, para que não existam comprometimentos estruturais.

Encerrando o ano de 2015, a Vila do Artesão realizou, neste mês de dezembro, o evento “Artesanato e Moda na Vila”, que foi um sucesso de público e crítica. A solenidade foi criada com a finalidade de colocar os produtos artesanais dentro do circuito da moda da cidade de Campina Grande, dando uma nova perspectiva para os produtos feitos pelos artesãos. Foi criado ainda um catálogo, apresentado as roupas e acessórios utilizados no evento de moda.

Fonte: Codecom

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.

TOPO